Como guardar o coração, sem construir muros?




Você já leu aquele trecho do escritor C.S. Lewis, falando sobre o amor ser vulnerável? Se não, eu te apresento o texto já, afinal, o post de hoje falará um pouquinho sobre isso:
Amar é ser vulnerável. Ame qualquer coisa ou pessoa, e o seu coração provavelmente será partido. Se você deseja mantê - lo intacto, não dê seu coração a ninguém. Evite qualquer envolvimento, mantenha-o trancado com segurança na caixa do seu egoísmo. Nesse esquife-seguro, escuro, imóvel, e sem ar, ele passará a ser inquebrável, impenetrável, irrecuperável...” C.S. Lewis
Quando falamos sobre estar solteiro(a), ou em um relacionamento, a principal frase de efeito é "você precisa guardar o coração". Isso é ótimo, super válido e respeitável, porém, nessa ânsia de guardar o coração, nós cometemos um erro grandioso: Construímos muros, muros esses tão altos e fortes, que guardar o coração se torna obsessão.  

O medo de nos decepcionarmos e principalmente o orgulho nos fazem criar uma bolha protetora para não sermos tocados, para não nos machucarmos. Podemos até achar que o resultado disso é felicidade e tranquilidade, mas quanto mais nos fechamos, mas rancor e tristeza acumulamos. Nos tornamos pessoas amargas, pois de fato, não queremos que os outros se relacionem conosco, barrando o acesso e oportunidade de conhecermos pessoas e nos fazer conhecidos por elas. Mas, a pergunta que fica é: Como conseguir guardar o nosso coração, sem cairmos no erro de nos afastamos e acabarmos criando muros nos nossos relacionamentos?

1- Você precisa entender o que de fato significa guardar o coração.

No livro de Provérbios, nós encontramos muitos ensinamentos que sempre incluem a palavra coração (Provérbios 4:23, por exemplo). Isso porque é do coração que saem todos os  nossos sentimentos e motivações. Guardá-lo, no ponto de vista Bíblico, é cuidar, preservá-lo. É por ele que Deus examina nossas ações, o que refletimos e quem refletimos. Isso é o diferencial. O garoto e garota que creem em Cristo, mantem seu coração nEle, nas verdades de Deus reveladas a nós, sabendo muito bem que só nEle que nosso coração estará bem guardado.

É por isso que guardar o coração acontece quando colocamos Cristo no centro de todas as nossas decisões e emoções. É nele que nosso coração dele estar bem guardado e guiado, pois nEle saberemos coisas que nos convém, ou que não o agradam. Você não estará livre dos problemas ou de si mesma trancando seu coração a 7 chaves para os outros, para si mesma e principalmente para Deus. Guardar o coração é sinônimo de cuidar dele e não de fechá-lo e privá-lo, para sofrer sozinho, se fechando para boas e saudáveis amizades, temendo qualquer decepção. O medo é o principal fator que nos mostra como estamos de fato não guardando o nosso coração, mas escravizando-o aos nossos próprios desejos (ou para o que nós achamos que é o melhor desejo).

2- O sacrifício de Jesus é o exemplo correto de como construir pontes é a melhor solução

Jesus veio ao mundo com o principal objetivo de fazer a vontade do Pai: Trazer a todos a salvação, quando  entregamos nossa vida a Ele e do arrependimento dos pecados. E você acha que tudo isso foi fácil? Pelo contrário. Ele sofreu perseguição, morreu crucificado, para que? Isso mesmo, para construir uma ponte ao invés de um muro. Para que através dela voltássemos a ter relacionamento com Deus. Jesus guardou seu coração do pecado e do diabo, mas isso não o impediu de construir relacionamentos, fazer tudo aquilo que era da vontade do Pai, mostrando amor e graça. 

3- Aprenda a definir quem você é em Cristo, qual o seu valor nEle

No tópico 1, eu falei sobre o medo. O medo de fato nos paralisa tanto (principalmente quando não conhecemos o que está adiante, ou quando já nos decepcionamos com algo) que nos faz perder o foco sobre quem realmente somos, qual o nosso propósito, o propósito de Deus para nós. Você foi criada para refletir a glória de Deus. Para refletir, e por isso, isolar-se de tudo e todos não resolve nada. Participe de grupos na sua igreja, seja uma serva com um coração obediente a Cristo e sua palavra e abra seu coração para viver experiências de Deus para sua vida.

Talvez você esteja com seu coração quebrado, desistindo de tudo e de todos. Eu te convido a orar a Deus, pedindo a Ele que encha seu coração de alegria, plena paz e satisfação nEle. Peça para que Ele guarde o seu coração do pecado e do mal, para que nEle você saiba enfrentar as situações  da vida e que nEle você aprenda o seu real valor, refletindo isso aos seus irmãos e irmãs em Cristo. Muitas situações você não poderá evitar enquanto estiver neste mundo, porém, enquanto estiver nele, você pode contar com Cristo, mantendo os olhos nele,  para te orientar a tomar as melhores decisões e dizendo não àquelas que precisam ser ditas.



4 comentários:

  1. Uma vez fiz isso de trancar o coração com correntes e cadeados, isso me afastou de muita gente, hoje eu resolvi abri-lo novamente, agora tenho muitos amigos e só estou evitando relacionamentos amorosos, acho que devo esperar a pessoa certa.
    meigaevirtuosa.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, trancar o coração faz muito mal mesmo! Guardar o coração não é se privar daquilo de bom que há, mas com a sabedoria de Cristo aprender a fazer as melhores escolhas :D

      Beijinho!

      Excluir
  2. Vish, também era assim de me fechar... E achei o máximo você ter usado o texto do Lewis, ele foi um dos grandes estímulos para mudar meu posicionamento. (:

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poxa, Mari, que legal! eu sou suspeita a falar, porque o Lewis é um dos meus escritores prediletos :)

      Excluir


Cristã, graduada em Letras, apaixonada por livros, viagens e muita música! Uma nota musical tentando fazer a diferença na imensa partitura da vida.
https://www.youtube.com/channel/UClS0ZtlU37t-VvVciQH0GQQ

já curtiu?

Postagens populares

Projetos

 photo Banner_zps9isnpcan.png

youtube

Snapchat

 photo snapssss1_zpscavat0v8.png